Seja Bem Vindo, 19 de Junho de 2018
Cadastre seu e-mail Campo E-mail em branco.Formato Inválido
     

“Sangue de Jesus tem poder!” Devemos ter muito temor ao falar esse clamor. Confira a reflexão;
“Sangue de Jesus tem poder!”


Devemos ter muito temor ao falar esse clamor. Confira a reflexão
São inúmeras as situações em que usamos como bordão o clamor que significa infinitamente mais do que uma expressão gospel para tudo que nos assusta ou nos incomoda. Se o copo de leite cai no chão: “Sangue de Jesus tem poder”, se o professor entrega a prova e a nota não foi boa: “Sangue de Jesus”. Alguém trombou em você e a mesma frase foi usada.
Devemos clamar o sangue de Jesus em meio às tribulações e momentos de perseguição, mas não podemos falar se não temos a consciência de quão sério e eficaz ele é. Foi por causa do sangue de Cristo que tivemos nossos pecados remidos pelo Senhor e é por meio dele que somos lavados e purificados como filhos de Deus. O sangue de Jesus vertido na cruz do calvário é a aliança do nosso Deus com a humanidade. Por causa dele os meus pecados, os seus e o de pessoas que ainda irão nascer foram perdoados.
Por isso não podemos banalizar esse clamor usando-o em situações e coisas supérfluas, como mania ou impulso. “Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente o que tomar o seu nome em vão.” (Êxodo 20.7) Isso também serve para as vezes em que prometemos algo “diante de Deus” ou “em nome de Jesus”. Se você mente e usa o nome do Senhor no meio do engano está pecando e isso é muito sério, pois Deus não está em meio ao engano. Cuidado! Pare com isso imediatamente e se arrependa.
Muitas vezes não temos noção da seriedade que há no evangelho e não temos temor quanto ao que representa o nome de Jesus. Talvez por que em nossa sociedade o nome não tem mais valor. Muitos estão sujos e outros representam corrupção, violência e vergonha. Mas o nome de Jesus sempre representará salvação (Atos 2.21), cura (Atos 3.6), graça e obediência (Romanos 1.5) entre outros. Ele é a garantia de que temos tudo o que perdemos em Adão e Eva. E o mundo espiritual reconhece a autoridade do nome de Jesus.
Deixe o temor e reconhecimento dominar a mania de clamar o sangue de Jesus em vão. E esteja alerta e vigilante para clamá-lo nos momentos de tribulação e perigo, para que crendo você receba o livramento e o socorro do Senhor. Tire agora o bordão de sua fala e em nome de Jesus seja livre para falar e testemunhar o nome de Jesus em seus atos.

:: Stephanie Zanandrais

Fonte: Templo da Adoração
contato@templodaadoracao.com.br

 

 

© Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por InovaSite
Templo da Adoração - Sede
Rua Gregório C. Leite 128 - Aventureiro Cohab
Templo da Adoração - Filial
Rua Agostinho dos Santos 859 - Comasa do Boa Vista