Seja Bem Vindo, 19 de Junho de 2018
Cadastre seu e-mail Campo E-mail em branco.Formato Inválido
     

E quando o namoro acaba?


E quando o namoro acaba?


3 atitudes diferentes que 3 tipos de pessoas tomam após o término de um namoro:

1-Existem pessoas que começam o namoro sem a permissão do Senhor, sem saber realmente a vontade d’Ele. Quando não estamos comprometidos totalmente com o Senhor e Sua Palavra, tomamos atitudes que não agradam o coração de Deus e começamos um namoro sem comprometimento com a Palavra, apenas com nossas vontades.

O tempo passa e tomamos uma atitude de realmente buscarmos a face de Deus, Seu Reino, Sua vontade e, com isso, começamos a perceber os propósitos de Deus para as nossas vidas. A adversidade vem, as dificuldades e, quando menos imaginamos, aquilo que sempre afirmávamos que era ‘amor’ acaba, tudo que nós pensávamos e sonhávamos para nossas vidas foi cancelado pela vontade do Senhor, pois começamos algo que não era da vontade d’Ele.

Quando realmente estamos estruturados no Senhor, quando Deus é nossa base, o nosso centro e acontece algo assim, não nos abalamos, apenas agradecemos a Deus pelo cumprimento da vontade d’Ele, e assim continuamos nos Seus caminhos, no querer d’Ele, pois nascemos com um propósito de adorá-Lo eternamente acima de todas as coisas, com o propósito de fazer o nome d’Ele conhecido através dos nossos dons, talentos, do nosso chamado, da nossa vida.

2-Outro tipo de atitude que algumas pessoas tomam quando o namoro acaba: existem pessoas que estão dentro da Igreja, mas tem em seu coração o namorado (a) como a coisa mais importante de sua vida. Não é difícil ver pessoas que colocam todos os seus sonhos, planos, confiança, entregam seu tempo ao seu namorado (a), e assim torna-os a coisa mais importante de sua vida. A Palavra do Senhor fala que devemos buscar primeiramente o Reino de Deus, e as outras coisas serão acrescentadas. Se realmente vivemos pelo Senhor e para Ele, devemos entregá-Lo nosso futuro, sonhos, planos, o primeiro lugar em nossas vidas.

Quando o namoro termina, porque Deus não permitiu a união, esse tipo de pessoa normalmente fica deprimido, o seu mundo cai, o chão desaba e nada, nada, nem mesmo a Palavra do Senhor conseguem confortá-lo, pois Deus era apenas algo a mais em sua vida, não ocupava realmente o seu lugar devido em sua vida. Com isso vem o sofrimento, a dor e a incerteza de sua felicidade, pois ela foi entregue totalmente a uma pessoa que é falha e pecadora. Porque somente a Deus pode ser entregue o primeiro lugar de nossas vidas.

3-Existem também as pessoas que apenas ocupam os bancos da Igreja, pessoas que não querem nada com a Palavra, usam a Igreja do Senhor como um clube social, onde todos os ‘domingos’ encontram os amigos, conversam e compartilham os sonhos e a vida secular. Quando temos esse tipo de atitude, estamos mais aptos a abraçarmos os pensamentos e os padrões imundos e podres deste mundo relação ao namoro.

Com esses pensamentos habitando em nós, tornamos o namoro como algo qualquer. Quando a ‘solidão’ vem, quando nos sentimos sós, achamos que precisamos de algo para preencher esse vazio, procuramos alguém. Tornamos-nos totalmente egoístas e usamos as pessoas para apenas suprir aquele momento de carência e ‘solidão’. Quando esse sentimento acaba, jogamos tudo para cima e terminamos, até a carência e a ‘solidão’ voltar.

As atitudes tomadas por esse tipo de pessoa quando o namoro acaba é simplesmente viver sua vida, seu momento, sua vontade, tudo voltado para sua vida, o seu querer. Até mesmo porque ‘a fila anda’, ‘se tu não quer, tem quem queira’, ‘eu não quero compromisso, só quero ficar’, e muitos outros pensamentos mundanos, imundos e podres. A cada entrega um ‘eu te amo’, a cada namoro ou o famoso ‘fica’, uma perda se si, dos valores que o Senhor te deu, através da Sua dor e sacrifício na cruz.

Estes são os 3 tipos que atitudes que 3 tipos de pessoas tomam quando o namoro acaba. Talvez você esteja perguntando: ‘Porque não foi citada a ocasião de quando Deus confirma e o namoro acaba?’ Nós, do Quem Ama Honra, acreditamos que, quando o Senhor confirma, nada é capaz de separar. Talvez o seu namoro tenha acabado e você passou o tempo todo crendo que Deus foi quem os uniu; talvez você esteja querendo citar Mt 19:6: ‘Portanto, o que Deus uniu o homem não pode separar’. Nós também cremos que ninguém tem o poder de separar aquilo que Deus une. O nosso erro é que usamos apenas a segunda parte do versículo, ‘o homem não pode separar’ e esquecemos-nos da primeira parte ‘o que Deus uniu’. Você já parou para pensar se foi realmente o Senhor que uniu? Será que o Senhor realmente permitiu esse namoro? Não use para sua vida apenas uma parte do versículo, porque realmente ‘o que Deus uniu o homem não pode separar’.

E, se seu namoro é de Deus, confirmado por Ele e ‘acabou’, com certeza você não esperou o tempo d’Ele. Mas creia que, ao tempo de Deus, os caminhos se encontrarão, tudo se ajeitará. Se o Senhor realmente confirmou, creia que Ele cumprirá, pois o nosso Deus não é homem para que minta; Ele cumprirá, espere apenas o tempo d’Ele. Deus não confirma apenas a pessoa, Ele confirma também o tempo certo para começar o namoro. Talvez seja esse o seu erro, não ter esperado o tempo de Deus para começar. Pense nisso.


Fonte: AmigosDT
contato@templodaadoracao.com.br

 

 

© Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por InovaSite
Templo da Adoração - Sede
Rua Gregório C. Leite 128 - Aventureiro Cohab
Templo da Adoração - Filial
Rua Agostinho dos Santos 859 - Comasa do Boa Vista