Seja Bem Vindo, 19 de Abril de 2018
Cadastre seu e-mail Campo E-mail em branco.Formato Inválido
     

Como é bom Amar /Mas é bom tomar certos cuidados.



































Como é bom amar!!!
Mas é bom tomar certos cuidados.
Como é bom amar!
Ter alguém com quem compartilhar os momentos especiais... As conquistas, os temores... Porém se não estivermos atentos a algumas questões poderemos entrar numa fria, tudo por causa de uma escolha errada.
A busca pela santidade deve fazer parte do relacionamento cristão. Em seu livro “Compromisso: o jeito bíblico de amar” (2008), a bispa Raquel Castro, líder da rede de jovens do MIR, aborda questões que ajudarão os solteiros que querem um compromisso segundo o modelo da Palavra de Deus.
Há várias questões, porém destacarei alguns que considero de fundamental importância tanto para os solteiros quanto para os casais que decidiram fazer côrte.
Doze passos para um compromisso de sucesso (Gn 24):

1º) Confiar no Espírito Santo. Ele conhece todas as coisas e sabe exatamente qual será a pessoa ideal para você;

2º) Servir ao mesmo Deus. Como podem luz e trevas terem comunhão? Em determinado momento há de desagradar um para agradar o outro (II Co 6:14 / Mt 15:14 / Ml 4:13). Da mesma forma, não convém se relacionar e mesmo contrair matrimônio com alguém que não compartilha da mesma fé;

3º) Ter sonhos compatíveis. Lembre-se de que o casamento deve ser para sempre. Você precisa estar nivelado em todas as áreas: cultural, econômica, familiar e espiritual. Essas diferenças dever ser analisadas no período do compromisso para que percebam se há compatibilidade;

4º) Obter testemunho interior. O Espírito Santo precisa aquietar o seu coração. Você precisa estar disposto a fazer a vontade do Pai incondicionalmente, e suas probabilidades de ouvir a voz de Deus irão aumentar;

5º) Ter a aprovação espontânea das autoridades. Os pais, pastores e líderes são usados por Deus para testificar sobre o compromisso, são pessoas levantadas por Deus para presidir sobre vidas, portanto, compartilhe seus sentimentos com os seus pais e discipuladores;

6º) Ser uma pessoa de oração. A oração é primordial no período que antecede o casamento. Quanto mais você busca ao Senhor, mais conhece o Seu coração e fica mais perceptivo à Sua vontade;

7º) Adormecer seus sentimentos. Adormecer os seus sentimentos implica você calar o seu eu e a sua vontade. Todos temos estereótipos da pessoa com quem desejamos casar. Você precisa ouvir a voz de Deus, para que a sua vontade não entre num caminho sem volta.

8º) Ser paciente. Em Salmo 40:1 lemos: “ Esperei com paciência pelo Senhor, e ele se inclinou para mim e ouviu o meu clamor.” O amor tudo espera. Esse passo é extremamente importante na vida do adolescente, jovem ou adulto solteiro;

9º) Submeter-se ao tempo de Deus. Deus conhece a nossa necessidade antes de pedirmos qualquer coisa (Mt. 6:25-34). Não podemos nos expor a nenhum tipo de sentimento prematuro ou fora do tempo.

10º) Fugir da tentação. Tiago 4:7 diz: “ Sujeitai-vos, pois, a Deus; mas resisti ao diabo, e ele fugirá de vós.” Evite despertar em você e em outra pessoa desejos que não podem ser atendidos fora do casamento.

11º) Ter cuidado com o isolamento. Sempre que os compromissados forem sair juntos, devem procurar estar na companhia de irmãos, amigos que possam trazer proteção ao casal e livramento de tentações e aparências do mal.

12º) Receber o fluir do suprimento de Deus. Não receba palavras negativas quando tiver uma palavra de Deus. O SIM de Deus e a Sua benção são a garantia de provisão e sucesso. É isso que faz toda a diferença.


Mensagem Postada em 09/06/2009 por: Ana Paula Ramos


 


Fonte: JuventudeSiao
contato@templodaadoracao.com.br

 

 

© Todos os Direitos Reservados
Desenvolvido por InovaSite
Templo da Adoração - Sede
Rua Gregório C. Leite 128 - Aventureiro Cohab
Templo da Adoração - Filial
Rua Agostinho dos Santos 859 - Comasa do Boa Vista